Atlético 1x1 Goiás: Atlético é bi-campeão goiano pela 1ª vez na história

16/05/2011 09:42

 

No Estádio Serra Dourada em Goiânia, no jogo de volta da Fase Final do Goianão 2011, empate em 1x1 para Atlético x Goiás, resultado que dá ao Atlético o título de campeão goiano de 2011, uma vez que o time atleticano entrou para a decisão com a vantagem da igualdade por ter somado o maior número de pontos ganhos ao longo das duas primeiras Fases da competição (1ª Fase + Fase Semifinal, 42 x 40).

O Atlético que foi o 1º campeão goiano em 1944, conquista o seu 1º título de Bi-Campeão goiano na história (2010/2011).

É o 12º título de campeão goiano conquistado pelo Atlético. Os demais foram em 1947, 1949, 1955, 1957, 1964 (o 1º na era do profissionalismo), 1970, 1985, 1988 e 2007 (interrompendo o jejum mais longo, de 18 anos sem ser campeão do Goianão).

O Goiás é vice-campeão goiano pela 15ª vez. As outras vezes foram em 1951, 1973, 1974, 1978, 1980, 1982, 1985, 1988, 1992, 1993, 2001, 2005, 2007 e 2008.

É a 3ª vez que o Atlético sagra-se campeão goiano em decisão direta contra o Goiás. As duas oportunidades anteriores foram em 1985 e 2007.

Agora as decisões diretas de Goianão entre Atlético x Goiás estão empate (3x3), uma vez que o Goiás sagrou-se campeão goiano nesta situação em 1972, 2006 e 2009.

No 1º tempo, Atlético 1x0, gol do lateral-direita Adriano aos 12’, ele que marcou o seu 1º gol com a camisa atleticana. O Goiás chegou ao empate, no período de  acréscimos do 2º tempo, aos 47’, através do atacante Guto.

Árbitro: Paulo César de Oliveira (SP/Fifa). Assistentes: Alex Alexandrino (SP) e Carlos Augusto Nogueira Júnior (SP). Renda: R$ 364.680,00. Público pagante: 23.673. Cartões amarelos: Márcio, Ramalho e Preto (A); Assuério (G). Gols: Adriano 12’ do 1º tempo. Guto (G) 47’ do 2º tempo. Atlético: Márcio, Adriano, Gílson, Ânderson e Thiago Feltri; Rômulo, Bida (Preto, aos 17’ do 1º tempo), Ramalho e Anaílson (Elvis, aos 23’ do 2º tempo); Marcão e Felipe (Diogo Campos, aos 19’ do 2º tempo). Técnico: Paulo César Gusmão. Goiás: Pedro Henrique, Oziel, Ernando, Rafael Tolói e Marcão (Marcelo Costa, aos 16’ do 2º tempo); Zé Antônio (Assuério, aos 16’ do 2º tempo), Amaral, Carlos Alberto e Robert (Thiaguinho, aos 31’ do 2º tempo); Guto e Felipe Amorim. Técnico: Artur Neto.

Na conquista do título de campeão do Goianão 2011, o Atlético utilizou 32 jogadores e contou com 3 técnicos.

O goleiro Márcio, os zagueiros Gílson e Jairo e os meio-campistas Pituca, Robston (foi transferido para o Atlético (PR) no transcurso do Goianão 2011) e Anaílson são campeões goianos pela 3ª vez pelo Atlético (anteriormente em 2007 e no ano passado).

São também bi-campeões goianos pelo Atlético: o goleiro Édson, o lateral-esquerda Thiago Feltri, os meio-campistas Agenor, Ramalho e Tiago Martins e os atacantes Marcão e Juninho.

O meio-campista Ramalho sagra-se tri-campeão goiano (2009 pelo Goiás e 2010 e 2011 pelo Atlético).

O técnico Paulo César Gusmão conquista o título de campeão goiano pela 2ª vez, a 1ª foi pelo Itumbiara em 2008.

A FGF parabeniza toda a coletividade atleticana pela brilhante conquista.

 
 

Fonte: http://www.fgf.esp.br/noticias.asp?id_noticia=5245

www.jataiense.com.br
Voltar